RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

sexta-feira, 26 de junho de 2015

CPI - OS TRABALHOS PROSSEGUEM

COMERCIANTES DENUNCIAM ESQUEMA DE FAVORECIMENTO NAS COMPRAS DO MUNICÍPIO

Um dos depoimentos mais esperados na CPI aconteceu hoje pela manhã na Câmara Municipal de Itaituba. O comerciante JUVENAL ALVES RODRIGUES, procurador da firma M.A.N. PEREIRA LTDA, denunciou o esquema de favorecimento no momento da realização da licitações na DICON do município de Itaituba.

O comerciante disse que ganhou vários itens em uma licitação realizada pela prefeitura de Itaituba no final do ano de 2014. Entretanto, três dias depois foi comunicado que a certidão federal  de débitos relativos aos tributos federais e a divida ativa da união, que havia sido apresentada, tinha vencido no dia 25 de dezembro e que como a licitação que ganhou, foi realizada dia 26,não poderia participar.

Um cidadão de prenome CÁSSIO, que tem trânsito livre na Dicon, telefonou para Juvenal e disse que ele tinha três dias para apresentar a certidão para poder ser efetuado o contrato do município com a empresa vencedora. Disse ainda o Senhor Cassio, que o debito de Juvenal com a União era de R$ 1.500,00 e que precisava deste dinheiro para quitar o debito para poder o sistema emitir a certidão. Cassio foi até o comercio de Juvenal e pegou o dinheiro em espécie. Em seguida levou no próprio comercio a certidão e entregou ao comerciante. Juvenal de posse do documento imediatamente procurou o pregoeiro do município, Kleber dos Anjos que inclusive usou a palavra beleza agora esta tudo certo.
Acontece que em seguida, Juvenal foi comunicado que a certidão era falsa, pois seu debito continuava no sistema e por este motivo sua firma seria desclassificada do certame.
Juvenal ainda reagiu, mas não conseguiu sucesso, pois percebeu que havia uma armação para beneficiar a empresa E. COSTA SILVA, de propriedade de Elvis Costa Silva, empresa esta que mesmo tendo sido a 6ª colocada no pregão, ficou com todos os itens que a empresa M.A.N. PEREIRA-ME, representada por Juvenal ganhou. O comerciante ainda revelou na CPI que até os itens do pregão que sua firma havia ganhado anteriormente, foram repassados para a firma do senhor Elvis Costa Silva.
O comerciante deixou claro aos membros da CPI que existe na DICON um esquema para favorecer a firma E. COSTA SILVA, pois o representante desta firma é este tal de CASSIO, que tem trânsito livre na DICON e ela manipula juntamente com o pregoeiro os resultados, beneficiando assim a firma de Elvis Costa Silva. No final do seu depoimento, Juvenal usou as palavras  “ELVIS É O CARA”.
Outro que denunciou na CPI o esquema foi o empresário JAIR PONTES, Representante da firma F. J. Pontes Comercio-ME disse no seu depoimento que nunca mais que vender para a prefeitura, principalmente para o governo municipal que esta ai. Jair disse que desistiu de participar das licitações do município, por não compactuar com a corrupção do atual governo.
Jair também denunciou o esquema para beneficiar a empresa do Senhor Elvis Costa Silva. Disse que estava lá na DICON no dia da licitação em que o comerciante Juvenal Alves ganhou e viu a armação feita para beneficiar a empresa E. COSTA SILVA. Jair chamou a atenção dos membros da CPI para um detalhe. Vejam vereadores, “minha empresa ficou em segundo lugar, atrás da primeira que ganhou o certame, que foi a representada por Juvenal e der repente, a empresa do  - CONTINUE LENDO...
http://politicacompimentamalagueta.blogspot.com.br/2015/06/comerciantes-denunciam-esquema-de.html

MPE processa prefeita e vereadores por improbidade e nepotismo, no PA - ITAITUBA

26/06/2015 18h05 - Atualizado em 26/06/2015 18h05 

Prefeita teria cometido improbidade administrativa e vereadores nepotismo.
Objetivo da ação do Ministério Público é responsabilizar agentes públicos.

Do G1 PA
MPE busca responsabilizar agentes públicos por
crimes que impedem a fiscalização dos gastos
do município (Foto: Divulgação/MPE)
Itaituba (Foto: Divulgação/MPE)




A prefeita de Itaituba, no sudoeste do Pará, e outros três vereadores do município, foram processados pelo Ministério Público do Estado (MPE) por improbidade administrativa e nepotismo, respectivamente. A ação do órgão tem o objetivo de responsabilizar os agentes públicos pelos crimes. O G1 tentou contato com a prefeitura, mas ninguém foi localizado para comentar o assunto.
De acordo com o promotor de Justiça de Itaituba, Nadilson Portilho Gomes, "a prefeita, a fim de arregimentar os vereadores em questão, negociou cargos com os mesmos, nomeando parentes deles à pedido dos edis, numa relação descabida para que tem o dever de fiscalizar a primeira. Isso, sem contar que todos esses agentes, como agentes públicos, devem obediência aos princípios que regem a administração pública".
Ainda segundo o promotor, a prefeita cometeu o crime chamado de nepotismo cruzado, ao nomear e autorizar a permanência, para cargos comissionado, terceiros com relação de parentesco consanguíneo, em linha reta, e por afinidade, com vereadores da citada Câmara Municipal. A ação busca a responsabilização dos agentes, especialmente diante da negativa de informações à Câmara Municipal e ao Ministério Público do Estado do Pará, o que está impedindo a fiscalização dos gastos públicos no município de Itaituba.
Investigação
O Ministério Público Estadual, através da promotoria de Justiça de Itaituba, comprovou práticas de nepotismo após investigações. O crime ocorria com a nomeação de pessoas, por indicação de parente e afins, para o exercício de cargos comissionados e de função gratificada. Visto que a prefeita não encaminhou a relação de funcionários para a Câmara, nem para o MPE, a ação ministerial que teve que contar com outros meios para obtenção da prova e, assim, não teve acesso a todos os parentes empregados pela prefeita e vereadores.

A LUTA DE UM POVO BRAVO

Repassado pela missionaria e educadora Márcia Lasmar Bieri

SEM VOZ NO BRASIL LÍDER MUNDURUKU DENUNCIA BELO MONTE E BARRAGENS À ONU

SEM VOZ NO BRASIL LÍDER MUNDURUKU DENUNCIA BELO MONTE E BARRAGENS À ONU

Ademir Kaba Munduruku, representante do povo Munduruku do Alto Tapajós, levou a luta em defesa de seus direitos para Genebra e apresentar ao Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas (UNHRC).
O líder indígena vai acompanhado por Felício Pontes, Procurador da República do MPF-PA, cuja atuação fundamental na defesa dos direitos humanos e da legislação ambiental nos casos de Belo Monte e barragens na bacia do Tapajós é do conhecimento de todos.
Além de tratar do descumprimento da legislação sobre o direito à CLPI no caso de barragens no Tapajós, também vão falar sobre iniciativas recentes do povo Munduruku para defender seus direitos, a exemplo da elaboração do protocolo de consulta, detalhando diretrizes e procedimentos para um processo culturalmente apropriado de consulta prévia, e da auto-demarcação do território Sawre Muybu.
Em Genebra, também haverá reuniões com a embaixadora da Missão Permanente do Brasil junto à ONU e assistentes para os Relatores Especiais sobre o Acesso à Justiça, Água, Meio Ambiente e Responsabilidade Corporativa. Assim, estas atividades mantêm a continuidade de denúncias anteriores no âmbito do UNHRC, do Fórum Permanente da ONU sobre Questões Indígenas, e na Comissão Inter-Americana de Direitos Humanos (CIDH).
Além do evento paralelo da ONU em Genebra, aberto ao público e a autoridades internacionais, Munduruku se reunirá em Paris, com o diretor de energia da ex-estatal EDF (Electricité de France, hoje de economia mista com 70% das ações na mão do governo), Antoine Cahuzac, o Conselho Nacional de Direitos Humanos da França, e deputados e senadores franceses, para denunciar a participação da empresa nos impactos dos projetos hidrelétricos na bacia Teles Pires/Tapajós.
A EDF detém 51% das ações do consórcio construtor da usina de Sinop (Teles Pires), no Mato Grosso, e é a única empresa privada internacional no Grupo de Estudos Tapajós – GET, que avalia a de viabilidade da hidrelétrica de São Luiz do Tapajós (Tapajós, PA).
Enfim, com cautela e discernimento, o povo Munduruku está dando uma aula de cidadania e esperamos que as atividades em Genebra e Paris possam contribuir, de forma significativa, para defesa de seus direitos., e, de forma mais ampla, para as lutas pela justiça socioambiental na Amazônia.

Fonte: EcoDebate

quinta-feira, 25 de junho de 2015

NOVA descoberta contra queda de cabelos chega ao Brasil.

Será que o produto realmente pode fazer com que seus cabelos cresçam novamente? Nós investigamos.  


Todos nós já ouvimos falar que a beleza é apenas uma carcaça, mas também sabemos que a aparência tem um impacto enorme em nossa autoestima. O cabelo é uma das primeiras coisas que os outros observam em você e, provavelmente, é a primeira coisa que você observa em sua aparência ao olhar no espelho todas as manhãs. Cabelos bonitos fazem você se sentir jovem e poderoso, agir com mais confiança e permitem que os outros o vejam com outros olhos. É difícil se sentir atraente sendo calvo. Como os homens sofrem cada vez mais pressão para terem “a melhor aparência possível”, existe a tendência de gastarem milhares de reais em cirurgias de transplante capilar e em remédios como minoxidil e finasterida. 


O problema? Estas “soluções” podem ser muito perigosas a saúde, custar mais de R$ 30.000, se forem procedimentos mais complexos e, no caso da finasterida, causar efeitos colaterais irreversíveis, como perda da capacidade sexual e até mesmo impotência. Os perigos destes procedimentos estão bem documentados online. É por isso que muitos homens vêm escolhendo soluções mais naturais para ajudar com a questão da perda de cabelos. O problema é que a enorme quantidade de produtos contra perda de cabelos que estão disponíveis para os homens pode ser desencorajadora, fazendo com que eles pensem: o que serve para mim e o que realmente funciona? 

Um produto novo chamado Capivitex entrou recentemente no congestionado mercado brasileiro. Este, ao contrário da maioria dos outros produtos existentes, de fato inclui ingredientes comprovados cientificamente, os quais ajudam a combater a perda dos cabelos. 

De acordo com o fabricante, o Capivitex ajuda a regenerar a pele, diminuir as rugas e deixar a pele mais firme e radiante em apenas algumas semanas. Isto pode parecer difícil de acreditar; por isso, nossa equipe realizou uma revisão completa do produto para determinar se ele realmente funciona ou se é apenas um modismo.

Como o Capivitex funciona
O suplemento é único no Brasil. É projetado especificamente para trabalhar com a química do cabelo que está afinando ou caindo. A fórmula se chama GST (GrowthStimulationTechnology), e combina uma matriz de 16 aminoácidos. Também contém Biotina (vitamina H), uma vitamina rara que deve ser introduzida na quantidade certa. A Biotina é responsável pela redução da queda dos cabelos e por tornar os fios mais grossos e resistentes. Além disso, o Capivitex contém Colina e outros nutrientes que fazem o papel de nutrição dos folículos capilares, deixando-os mais saudáveis e também prevenindo a queda. 


Essa é a lista de benefícios do Capivitex: 
• Reverte o processo de perda de cabelo;
• Gera novos cabelos mais fortes e volumosos;
• Dá volume e revitaliza cabelos danificados;
• Nutre os folículos capilares e estimula o crescimento;
• Torna os fios de cabelo finos e quebradiços mais resistentes. 

Além disso, o Capivitex afirma funcionar para todos os tipos de cabelo, seja você loiro, moreno, ruivo e até para quem já tem cabelos brancos. 

Um dos médicos mais respeitados dos Estados Unidos - Dr. Oz – diz que a Biotina é conhecida como a vitamina dos cabelos. Ela ajuda a fortalecer os cabelos, de modo que a probabilidade de enfraquecimento ou queda se torna menor.

Bom Demais para Ser Verdade? Veja o teste!

Os ingredientes parecem bons demais para serem verdadeiros, e como muitas pessoas estão ouvindo falar sobre o Capivitex pela primeira vez, elas têm dificuldades em acreditar que é tudo verdade. Então, decidimos escolher alguém para ser “cobaia” do produto aqui no Brasil. Luis Gonçalves, 43, decidiu testar o produto e conferir os resultados. Luis já havia testado diversos produtos, mas nunca obteve os resultados que queria. Embora estivesse cético no início, ele concordou em testar o produto por, no mínimo, 3 meses. 


Testando o Capivitex: Um amigo me disse que uma empresa estava lançando uma fórmula nova aqui no Brasil. Um de seus melhores amigos trabalha nessa empresa e eles estavam procurando pessoas para testar o produto. Naturalmente, eu estava cético. Eu estava cansado de usar produtos que supostamente combateriam a perda dos cabelos e apenas deixavam os usuários decepcionados e sem dinheiro. Uma semana depois, recebi um telefonema e eles me perguntaram se eu estava interessado em testar. Me enviaram o produto de graça e eu seria recompensado mesmo se não gostasse dos resultados. “Então pensei… não tenho nada a perder. Eu tinha desistido e aceitado minha condição. Sem nenhuma grande expectativa, recebi o produto depois de 5 dias e comecei a usá-lo. Aqui estão meus resultados”. 


Vitória Dias – Antes e depois

Luis Gonçalves – Antes e depois de Capivitex

Mês 1 Após o primeiro mês usando Capivitex, observei que meu cabelo estava caindo muito menos. Quando eu passava os dedos pelos cabelos, costumava ver 20 fios na minha mão. Depois de um mês, este número caiu para 1 ou 2. Até então, tudo bem. 


Mês 2 Após o 2º mês, eu estava feliz e surpreso. Meu ceticismo estava começando a se desfazer. Olhando próximo ao espelho, eu definitivamente vi alguns cabelos novos começando a crescer. Até mesmo minha esposa comentava como meu cabelo parecia mais cheio. 

Mês 3 Depois de 3 meses, eu me rendi. Não podia acreditar que um suplemento natural poderia funcionar tão bem contra queda de cabelo. Meus cabelos estavam mais grossos e cheios e, melhor ainda, minha confiança estava de volta. Eu não precisava mais esconder minha calvície usando chapéu. Os amigos que não me viam há algum tempo acharam que eu havia feito um transplante capilar! 


Você Julgará...


O Capivitex realmente funciona tão bem? Bem, você poderá julgar. O produto é fabricado no Brasil e sua qualidade e potência são testados diariamente. Além disso, a empresa oferece uma garantia de reembolso de 100%.

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Garota dessa foto viveu jornada da guerra ao perdão para lutar pela paz

Foto: Nick Ut/AP
Foto: Nick Ut/AP
Personagem de uma das mais icônicas imagens da história, Kim Phuc tenta viver uma vida sem as marcas de um dos piores dias de sua vida. Ela foi retratada 43 anos atrás, ainda com nove anos, correndo nua por sua vida após uma bomba ter sido jogada no Vietnã e queimado boa parte de seu corpo.

A relação de Phuc, hoje com 52 anos, com a foto é bastante controversa. Logo que ela foi divulgada, mais de quatro décadas atrás, era odiada pela então criança. A reação é natural, uma vez que capturou e congelou para sempre um dos momentos de maior desespero que a vietnamita já viveu em toda sua vida. Hoje, no entanto, a relação é diferente.
Reprodução/CNN
Reprodução/CNN

No começo era algo bem difícil, me trazia o horror que eu vivi naqueles dias, especialmente naquele dia. Mas depois eu realizei que eu nunca poderia escapar dessa foto, ela sempre estaria lá. Então percebi que eu deveria voltar e trabalhar com essa foto, fazer com que ela fosse algo pela paz. Essa é minha escolha”, afirma Phuc à CNN.

Os horrores da guerra, porém, deixaram marcas que mudaram para sempre a vida de Phuc. Algumas mudanças, para ela, positivas. Aos 19 anos ela se tornou cristã e, segundo ela mesma, passou a perdoar, ganhando novo sentido em sua vida. Foi só então que ela deixou para trás a menina assustada, passou a sonhar em constituir uma família e, com o perdão concedido, passou a trabalhar pela paz a partir de sua foto.

Agradeço demais mesmo a Deus por tudo que ele fez na minha vida quando eu era apenas uma menininha. O que aconteceu comigo me deu a oportunidade de seguir viva, com saúde e viver uma benção, que é pode ajudar as outras pessoas”, conclui ela.

Prefeita pode ser afastada do cargo

O Ministério Público do Estado do Pará (MPE/PA) ingressou ontem com Ação Civil Pública (ACP) de Improbidade Administrativa Ambiental contra a prefeita municipal Eliene Nunes de Oliveira (PSD). Segundo o MPE, ficou comprovado que o município de Itaituba não dispõe de uma gestão adequada para os resíduos sólidos gerados no âmbito de seu território, ignorando por completo o que estabelece a Política Nacional dos Resíduos Sólidos.
Prefeita:Eliene Nunes
A prefeitura não teria cumprido o prazo dado pelo Lei nº. 12.305/2010, vencido em agosto de 2014, para destinação adequada desses resíduos, ocorrendo uma prática criminal reiterada na mesma que mantém áreas de lixões no município. A ACP foi proposta pelo 3º Promotor de Justiça de Itaituba, Nadilson Portilho Gomes.
“É verdade que a situação dos lixões de Itaituba é antiga, sendo que o MPE há anos vem buscando solução para o problema, sem que a ré tomasse as providências de sua competência, permitindo a poluição ambiental e omitindo-se diante de tal grave situação, proliferando-se roedores e urubus no município de Itaituba como nunca fora visto”, explica o promotor.
O grupo técnico do Ministério Público vistoriou um dos lixões em julho de 2014, localizado na estrada de Barreirinhas, onde funcionava o antigo depósito de resíduos sólidos, constatou que houve uma intensa atividade de disposição de resíduos e rejeitos sólidos no mesmo em um período não definido e anterior ao início do atual depósito. O grupo constatou ainda outras irregularidades na região
Na ação, o Ministério Público pede, entre outras providências, a perda da função pública, suspensão dos direitos políticos da prefeita de 3 a 5 anos, pagamento de multa civil de até 100 vezes o valor da remuneração recebida pela prefeita. 
(Diário do Pará)

Rafinha Bastos é condenado a indenizar Wanessa

Rafinha Bastos é condenado a indenizar Wanessa (Foto: Divulgação)

O apresentador e humorista Rafinha Bastos foi condenado a indenizar a cantora Wanessa Camargo, o marido e o filho dela, de quatro anos, em uma quantia que somará R$ 150 mil. O martelo foi batido nesta terça-feira (23) pelo Superior Tribunal de Justiça.
A decisão já tramitava em terceira instância e o valor foi abaixado em um terço desde o primeiro julgamento.
A sentença ainda é fruto das declarações feitas por Rafinha, em 2011 quando na bancada do programa CQC da TV Bandeirantes ele afirmou que “comeria” Wanessa, ainda grávida, e o filho dela.
(DOL com informações de O Povo Online) 

terça-feira, 23 de junho de 2015

-QUE CULTURA!!! - Herrar é umano


O FIM DO MUNDO

Qualquer pessoa nascida hoje poderá presenciar o fim do mundo – entenda
Por Equipe Mega Curioso 

O microbiologista australiano Frank Fenner assustou o mundo ao fazer uma afirmação séria pesada há algum tempo: daqui a 100 anos não existirá mais vida humana no nosso planeta. A justificativa é relativamente simples: estamos criando um mundo inabitável.

Fenner, cujo trabalho é reconhecido desde sua luta nos anos de 1970 para erradicar a varíola, é nada otimista com relação ao fim do mundo. Segundo ele, há três fatores que estão nos levando para a extinção humana: superpopulação, falta de recursos naturais e mudanças climáticas.

Ainda que a previsão do cientista não seja considerada realmente precisa, há alguns anos ele nos alerta para determinadas questões que precisam ser repensadas urgentemente, como o esforço mínimo e insuficiente que fazemos para diminuir a quantidade monstruosa de substâncias poluentes que enviamos a todo o momento para a atmosfera.
No final das contas, Fenner acredita que não há meios de reduzir os danos que já causamos até agora. Diminuir o número de poluição parece ser apenas a parte mais fácil do trabalho que seria capaz de mudar o rumo da coisa. A parte mais difícil dessa missão seria desenvolver meios tecnológicos de reverter esse processo apocalíptico, que já começou há muito tempo.

Em 2007, Sir David King, conselheiro científico do governo britânico, disse: “Evitar mudanças climáticas perigosas é impossível – mudanças climáticas perigosas já estão aqui. A pergunta é: nós podemos evitar mudanças climáticas catastróficas?”.

Seguindo o raciocínio de Fenner, podemos concluir, a partir da declaração de King, que ou tudo isso é alarmismo ou, pior, estamos em um cenário que simplesmente não tem como ser mudado. O colunista David Auerbach, que escreve para a agência Reuters, acredita que está mais do que na hora de mudarmos nossas fontes de energia, além de diminuirmos de fato a quantidade de emissão poluente.

Atualmente, o objetivo é não deixar que a temperatura global suba mais de 2 ºC. Em 2100 a previsão é de que esse aumento seja de 5 ºC, que já é o suficiente para provocar inundações, fome, seca, aumento do nível do mar e extinção em massa. Além do mais, esse aumento da temperatura nos deixaria próximos dos 6 ºC, que é ponto capaz de deixar nosso planeta inabitado, destruindo a maioria das espécies.

Ainda que os EUA, a União Europeia e a China tenham se comprometido com as Nações Unidas a diminuir a emissão de dióxido de carbono, o esforço não é suficiente. Auerbach usou o raciocínio do jornalista Bill McKibben para avaliar o assunto: atualmente a temperatura média do planeta já subiu 0,8 ºC e, mesmo que a emissão de dióxido de carbono fosse completamente interrompida agora, a temperatura média da Terra subiria mais 0,8 ºC.

Isso aconteceria porque ainda haveria muito dióxido de carbono na atmosfera. Fazendo uma conta simples de matemática, percebemos que temos apenas 0,4 ºC até chegarmos ao aumento limite de temperatura, o que, em tempo, nos dá mais ou menos  30 anos. Ou seja: daqui a três décadas a situação tende a estar realmente muito feia.

Com esses dados, que são reais, fica infelizmente fácil entender a afirmação de Fenner de que uma criança nascida hoje pode viver para ver o fim da humanidade. E o que se sabe sobre o assunto é que todo o esforço para desacelerar esse processo ainda é mínimo.

Neste ano, em novembro, haverá uma conferência na França, que deve discutir justamente essas questões climáticas. A esperança é a de que alguma solução tecnológica surja e possa nos dar a chance de ganhar mais tempo para pensar em alguma estratégia que não apenas reduza a emissão de dióxido de carbono como nos dê outros meios de viver sem destruir nossa própria casa. Infelizmente, chegamos a esse ponto.

FONTE(S) Reuters/David Auerbach

MP ajuíza ação contra prefeita de Itaituba por causa de lixão

Ministério Público do PA

O MP (Ministério Público) do Pará ingressou hoje (23) com ação de improbidade administrativa contra a prefeita Eliene Nunes (PSD), de Itaituba, pelo descumprimento reiterado de legislação ambiental.
O MP conseguiu recolher provas que o município de Itaituba não dispõe de uma gestão adequada para os resíduos sólidos gerados no âmbito de seu território, ignorando por completo o que estabelece a Política Nacional dos Resíduos Sólidos.
O promotor de justiça Nadilson Portilho Gomes foi quem ajuizou a ação.
Nela, ele pede à Justiça a condenação da prefeita com a perda da função pública, suspensão dos direitos políticos e pagamento de multa.
Blog do Jeso

BARBÁRIE!

Estado Islâmico afoga prisioneiros em piscina

Terça-Feira, 23/06/2015, 14:10:51 - Atualizado em 23/06/2015, 16:22:26 Ver 6 comentário(s)
Estado Islâmico afoga prisioneiros em piscina (Foto: Reprodução/Estado Islâmico)
O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) divulgou nesta terça-feira (23) um vídeo que mostra um grupo de prisioneiros sendo morto de maneira cruel, segundo informações publicadas no portal IG. Cinco espiões foram afogados numa piscina, dentro de uma gaiola. De acordo com o jornal inglês "Daily Mail", o vídeo tem imagens subaquáticas que mostram os cinco homens morrendo por afogamento. Após as mortes, os corpos dos homens são retirados da gaiola e empilhados.
Em sequência, o vídeo também mostra imagens de outros homens presos em um carro enquanto um terrorista explode o veículo com um míssel. Outra cena mostra prisioneiros acorrentados a explosivos.
As imagens são fortes e o vídeo não foi publicado na íntegra. (Foi removido pela violência extrema em seu conteúdo)
O Estado Islâmico (EI) é um grupo jihadista que age no Iraque e na Síria. O grupo foi formado em abril de 2013 e surgiu a partir da Al-Qaeda do Iraque. Desde então, a milícia se tornou dissidente e se transformou em um dos principais grupos jihadistas, enfrentando as forças do governo na Síria e obtendo vitórias militares no Iraque.
O Estado Islâmico domina mais da metade do território da Síria após ocupar Palmira, onde já teria começado a massacrar uma tribo rebelde e não enfrenta oposição. As informações são do site "The Guardian".
(DOL com informações do IG)

segunda-feira, 22 de junho de 2015

Santarém: Pérola do Tapajós faz 354 anos

Santarém: Pérola do Tapajós faz 354 anos (Foto: Rogério Uchôa/Diário do Pará)

Segunda-Feira, 22/06/2015, 10:54:01 - Atualizado em 22/06/2015, 17:48:48 Ver 1 comentário(s

No norte do município é possível ver o primeiro de vários espetáculos da natureza na região, o encontro dos rios que não se misturam: de um lado o rio Amazonas, com suas águas barrentas, e do outro o rio Tapajós, com as águas azul-esverdeadas.
Por causa das águas claras do Tapajós, o município tem 1.992 km de praias exóticas e primitivas que mais parecem o mar, como Alter-do-Chão, chamada de “Caribe Amazônico”, e o festival Çairé, que também atrai turistas do mundo todo.
Nos meses de março a agosto, algumas praias chegam a desaparecer, por causa da cheia dos rios. Contudo, no resto do ano, ressurgem com areias brancas e finíssimas, algumas de fácil acesso, outras completamente isoladas.
Dentre as praias mais conhecidas estão, Alter-do-Chão, Ponta do Cururu, Ponta de Pedras, Jutuba, Caraparanaí, Pajuçara, onde é o palco da maior manifestação folclórica Arariá, Maria José, Salvação e Maracanã.
Inclusive, Santarém é uma antiga aldeia dos índios Tapajós e, atualmente, a terceira maior cidade do Pará. Apesar do desenvolvimento, não perdeu os costumes e as tradições.
(Foto: Rogério Uchôa/Diário do Pará)
Um evento de grande importância para o município é realizado na vila de Alter do Chão, distante 40 km de Santarém. É a Festa do Sairé, que reúne o religioso e o profano, e surgiu durante as missões evangelizadoras dos padres jesuítas do Século XVII. Seu símbolo, o arco do Sairé, remete a um escudo português em homenagem ao Divino Espírito Santo.
A festa é realizada em setembro e era apenas uma procissão que conduzia o arco, que era produzido em forma de semicírculo, com cipó, algodão e flores, e encerrava com missas e um banquete.
Já o lado profano tem como destaque o Festival dos Botos, incorporado à festa em 1999, onde os botos Tucuxi e Cor de Rosa animam a cidade e disputam o título atraveś de apresentações artísticas e danças folclóricas em um palco que simula um grande lago, um espetáculo de cores que atrai turistas de todo o mundo.
(Foto: Arquivo/Diário do Pará)
O fato de estar implantado em uma fértil planície aluvial e faz com que apresente elevadas potencialidades para a prática da agricultura e da pecuária.
São conhecidas as lezírias, principalmente pela sua fertilidade, nas quais se produzem vinho, azeite, frutas e cereais, e onde pastam manadas de bois e cavalos.
A pecuária é uma importante fonte de riqueza para a economia da região, que também possui indústrias de cerâmica, madeira, alimentares, químicas, metalúrgicas, celulose, material de transporte e construção civil, grande parte situadas no chamado triângulo industrial de Torres Novas-Tomar-Abrantes.
Mas também a sua riqueza histórica e as suas belezas naturais são motivos de atração turística. O panorama que se pode admirar das "Portas do Sol", sobretudo ao fim da tarde, é considerado extremamente belo, contribuindo, a par com a riqueza gastronômica, etnográfica, patrimonial e ambiental, para o desenvolvimento do turismo nas suas mais diversas modalidades.
(Foto: Rogério Uchôa/Diário do Pará)
Quem mora em Santarém comenta sobre as melhorias e o grande avanço que a cidade passou, como a jornalista Luana Leão, que fala a sua percepção sobre a “Pérola dos Tapajós”.
“Eu saí de Santarém para fazer pós-graduação, mas amo a cidade. Nos últimos cinco anos, Santarém sofreu um 'boom', ganhando shoppings e várias franquias. O povo da terra passou a investir mais em negócios e a cidade ganhou uma nova cara. Hoje você pode comprar produtos em Santarém que antes era preciso pedir pela internet ou viajar pra comprar”, destaca Luana”. “Sabe cidade pequena que todo mundo se conhece e numa saída rápida você encontra vários conhecidos? Então, quando cheguei lá tinha muito isso, hoje já nem tanto.”
A jornalista também ressalta a orla da cidade e que concursos públicos, empresas privadas e ONGs aumentaram a população local, trazendo pessoas de fora. ​e chama atenção que o povo ribeirinho “precisa de políticas públicas, pois dependem das ações dessas ONGs, que quase sempre trabalham melhor que o governo.”
Questionada sobre o que a jovem daria de presente para a cidade ela diz: “Eu gostaria de dar de presente para Santarém um projeto de políticas públicas, que envolvesse educação dinâmica e qualidade de vida, ou seja, água, energia, etc., para o povo ribeirinho.”
(DOL)

domingo, 21 de junho de 2015

-QUE CULTURA!!! - Herrar é umano...


Planalto e PT veem cerco se fechando

A prisão dos executivos das empreiteiras Odebrecht e Andrade Gutierrez trouxe preocupação ao Palácio do Planalto. Apesar da intenção dos assessores em manter a presidente Dilma Rousseff afastada do estrago provocado pela Operação Lava Jato e de suas consequências, o sentimento é que todo este processo acaba por desestabilizar o governo, que já se encontra sob ataque de vários setores e sofrendo com baixa popularidade.
A preocupação não envolve só o governo Dilma, mas também o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, considerado por petistas "o alvo" da Lava Jato. Nos bastidores, ministros avaliam que, mesmo com a Polícia Federal mirando em Lula, não há como o escândalo não respingar em Dilma. A nova crise atinge a tentativa do Planalto de emplacar uma agenda positiva. Além disso, o governo teme que, com a prisão dos executivos das maiores empreiteiras do País, obras sejam paralisadas e o desemprego aumente. Continue lendo...

"Ô MALAFAIA, VAI PROCURAR ROLA"

Reprodução/Band

Afirma Boechat ao vivo na BandNews FM

O episódio da pedrada que uma menina de 11 anos, praticante do candomblé, está rendendo discussões bastante acaloradas. Nesta sexta-feira (19), por exemplo, uma envolvendo o jornalista Ricardo Boechat, da Band, e o pastor Silas Malafaia.

Durante seu programa matinal na rádio BandNews FM, Boechat afirmou que as igrejas evangélicas estavam incentivando a violência e o ódio. No mesmo momento, Malafaia usou o Twitter para afirmar que o jornalista estava “falando asneira” e o desafiou para um debate ao vivo.

Assim que soube das manifestações no Twitter, Boechat respondeu ao vivo, afirmando que ele “rouba dinheiro dos fiéis”. Por duas vezes, o jornalista mandou Malafaia “procurar rola”.

Imediatamente o pastor começou a reagir em seu Twitter e, mais tarde, afirmou em vídeo divulgado em sua rede social que iria se encontrar com Boechat na Justiça.

sábado, 20 de junho de 2015

Prisões de Sérgio Moro abrem temporada de caça ao ex-presidente Lula


Lula reuniu-se com religiosos, na sede do Instituto

Lula reuniu-se com religiosos, na sede do Instituto20/6/2015 13:20

Por Redação - do Rio de Janeiro e São Paulo
A prisão dos principais executivos das maiores empreiteiras do país sinaliza para que as forças reacionárias abram a temporada de caça ao ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, conforme mostram as edições dos principais diários da mídia de ultradireita, no país. Colunista do diário conservador carioca O Globo, Ricardo Noblat afirma, em sua coluna deste sábado, que “nunca a investigação sobre a roubalheira na Petrobras chegou tão perto de Lula”.
“Nine’. É assim que o juiz Sérgio Moro se refere a Lula quando está entre amigos. Tem esperança de pegá-lo”, afirma Noblat.
– A essa altura só sei dizer uma coisa. Nunca a investigação sobre a roubalheira na Petrobras chegou tão perto de Lula, com a prisão dos empreiteiros. Principalmente a relações de Lula com Marcelo Odebrecht acenderam uma luz vermelha no governo e no próprio PT. Na medida em que o Marcelo Odebrechet foi feito prisioneiro e pode, eventualmente, até negociar uma delação premiada e contar pelo menos parte do que ele sabe para evitar pegar uma pena maior, no futuro, isso deixa o pessoal do governo e do PT muito assustado – diz ele.
O jornal da Rua Irineu Marinho, no Rio, também cobriu, na véspera, um encontro do ex-presidente com religiosos, no Instituto Lula. Na reunião, segundo o jornal que apoiou a ditadura militar, o ex-presidente teria criticado duramente a presidenta Dilma Rousseff e lançado um diagnóstico:
– Dilma está no volume morto, o PT está abaixo do volume morto, e eu estou no volume morto. Todos estão numa situação muito ruim. E olha que o PT ainda é o melhor partido. Estamos perdendo para nós mesmos.
Na matéria sobre o assunto, o Instituto Lula não faz qualquer menção ao que noticiou o jornal das Organizações Globo mas sua assessoria de imprensa prefere não comentar a matéria. Confrontado com críticas à “acomodação” de governantes e parlamentares petistas, segundo o site do Instituto Lula, o ex-presidente afirmou que é preciso retomar o “sonho petista”.
– Ainda hoje, com todas as notícias negativas contra nós, ainda somos o partido mais popular nas pesquisas. As pessoas sonham que o PT volte a ser o que era, e se existe esse sonho, vamos torná-lo realidade – disse Lula.
Lula, no encontro, teria dito que a atual gestão de Dilma assemelha-se a “um governo de mudos”.
– Aquele gabinete (presidencial) é uma desgraça. Não entra ninguém para dar notícia boa – reclamou.
O líder petista teria creditado ao governo de sua sucessora a crise vivida pelos petistas. e que é “um sacrifício” convencê-la a viajar pelo país e defender seu governo.
Ao citar uma pesquisa interna do partido, que revela a extensão da crise instalada no núcleo da legenda, Lula afirmou que “o momento não está bom” e “o momento é difícil”.
– Acabamos de fazer uma pesquisa em Santo André e São Bernardo, e a nossa rejeição chega a 75%. Entreguei a pesquisa para Dilma, em que nós só temos 7% de bom e ótimo – disse.
O resultado teria chegado ao gabinete da presidenta Dilma:
– Isso não é para você desanimar, não. Isso é para você saber que a gente tem de mudar, que a gente pode se recuperar. E entre o PT, entre eu e você, quem tem mais capacidade de se recuperar é o governo, porque tem iniciativa, tem recurso, tem uma máquina poderosa para poder falar, executar, inaugurar…
Mais de 30 convidados encontro, entre eles o bispo dom Pedro Luiz Stringhini e o ex-ministro Gilberto Carvalho, defenderam a volta do partido volte à prática de representar os trabalhadores. Lula concordou e disse que os petistas trocaram a discussão da política pela do mandato.
A exemplo do que ocorre, hoje, com a Operação Lava Jato, na qual os réus são condenados publicamente antes mesmo do julgamento, durante as investigações sobre a Ação Penal 470, conhecida como ‘mensalão’, o PT somente voltou defender os líderes presos quando começou o julgamento no Supremo.
– Nós começamos a quebrar a cara ao tratar do ‘mensalão’ juridicamente. Então, cada um contratou um advogado. Advogado muito sabido, esperto, famoso, desfilando por aí, falando que a gente ia ganhar na Justiça. E a imprensa condenando. Todo dia tinha uma sentença. Quando chegou o dia do julgamento, o pessoal já estava condenado – teria dito o ex-presidente.
Para Lula, o atual momento vivido pelo PT é ainda mais dramático. Ele diz que há um “mau humor na sociedade”. E que até o ministro do STF Ricardo Lewandowski, “que votou contra (o ‘mensalão’)”, sofreu ofensas. Hoje em dia, disse Lula, quem é hostilizado na rua são os próprios petistas.